EPI é indicado em prevenção contra o Ebola

 epi-usado-na-prevencao-ao-ebola

A atual epidemia crescente do vírus ebola tem feito um aumento na demanda do mercado por um uniforme específico para evitar a contaminação. Este equipamento de proteção individual é o que está sendo usado por muitos médicos para combater a doença.

A organização Médicos Sem Fronteiras, por exemplo, tem usado o EPI para combater os focos do ebola na África. O uniforme é fundamental para evitar que o médico seja contagiado pelo paciente. É importante ressaltar que o vírus tem alto índice de contágio. A contaminação é sempre feita por meio de contato com secreções do doente, como a saliva, por exemplo.

Os equipamentos exigidos para combater o ebola:

Para evitar a contaminação, é preciso usar o EPI uniforme completo: macacão, avental, capuz, luvas, óculos e botas. Como é um traje pesado, seu tempo de utilização acaba sendo de uma a duas horas. Nesse ponto, um médico substitui o outro. Este fator é um dos que mais tem contribuído pela demanda do EPI para se prevenir do ebola.

Os cuidados necessários na utilização do traje para evitar o vírus:

Especialistas explicam que a hora de remoção do uniforme é muito delicada, pois o material está contaminado. É preciso evitar o contato com a pele, não havendo nenhuma margem para erro neste procedimento. Por isso, o procedimento correto sempre acontece na presença de duplas. A supervisão garante que não haja um movimento de reflexo e errado, obrigando que todos os passos sejam seguidos corretamente.

Segundo previsão da OMS, Organização Mundial da Saúde, serão necessários 3 milhões dos equipamentos de proteção individual para combater a epidemia de ebola. Já existem aproximadamente 400 mil trajes enviados à África Ocidental. Nessa região, o vírus já contaminou mais de 7,4 mil pessoas, causando óbitos em 3,4 mil.

Sobre a Angare:

A Angare é uma empresa do Grupo RPF. Fabricamos Equipamentos de Proteção Individual de diferentes segmentos, sendo reconhecidos no mercado por sua especialização em materiais para trabalho em altura.

Seguimos as principais normas técnicas exigidas pelo setor.

Fale conosco:

(11) 3229-6699

WhatsApp: (11) 9-4705-0162

contato@gruporpf.com.br

www.facebook.com/Grupo-RPF-393212410749717/